Plano Diretor

A Vila Olímpica da Maré nunca foi concluída. Em 1999, na ocasião da inauguração, apenas 40% das obras previstas estavam acabadas. Dos 83.000 m2 de área disponível, 50.000 m2 continuam não edificados. Em 2009, em acordo com a SMEL, foi iniciada a elaboração de um Plano Diretor, atualizado em fins de 2012, para a conclusão da Vila Olímpica da Maré.

O Plano Diretor da VOM indicou uma integração total com a primeira fase das obras, bem como sinalizou para a incorporação de uma creche, um colégio de segundo grau, uma Clínica da Família e uma Praça do Conhecimento, além de inserção de alguns poucos equipamentos esportivos.

Em 2010, a VOM, em acordo com a SMEL, levou seu Plano Diretor ao Governo do Estado sugerindo a instalação, na área física da VOM, de uma escola de ensino médio. A intenção era disponibilizar nossas instalações esportivas e expertise na ação social aos alunos da escola. O prefeito e o governador aprovaram a ideia e espera-se para breve o início das obras, tendo a Prefeitura feito a concessão de 5.000 m2 de terreno ocupado pelo VOM para o Estado.Plano Diretor Vila Olímpica da Maré

A creche, em verdade denominada Espaço de Desenvolvimento Infantil – EDI Moacir de Góes, foi inaugurada em junho de 2012. Lá estão sendo desenvolvidas ações conjuntas com a VOM que já deram resultados muito positivos, com as oficinas de Contação de Histórias; Musicalização para Bebês; Corpo e Movimento e Capacitação de Educadores em Contação de Histórias.

A execução deste Plano Diretor, em etapas planejadas, permitirá aumentar o impacto e o alcance da VOM e atender às necessidades da comunidade, tornando a VOM um destaque no esporte para o desenvolvimento humano e, a Maré, num pólo de vanguarda na educação. Desse modo contribuiremos, de forma mais efetiva, para a construção de um legado mais humano para dos Jogos Olímpicos de 2016, ao ser um modelo de promoção do desenvolvimento humano através do esporte.